MAUÁ NEWS
NOTICIÁRIO DA CIDADE DE MAUÁ E REGIÃO
NOTÍCIA ANTERIOR
Homens levam choque em fiação e estão em estado grave
PRÓXIMA NOTÍCIA
Falta de aval jurídico barra convênio de auxílio-aluguel
quinta-feira, 5 de julho de 2018
Grupo de Átila declara oposição ao governo Alaíde
Na tarde última quarta-feira (4), a atual prefeita, Alaíde Damo (MDB), demitiu o Israel Aleixo, conhecido como Bell (PSB), do comando da Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá) e deflagrou de vez a crise entre os dois blocos. Com isso, o grupo de Átila Jacomussi (PSB) anunciou que foi para a oposição à administração interina da prefeita.

Além de superintendente da Sama, Bell também é presidente do PSB municipal e uma das figuras mais próximas de Atila. Após ser exonerado por telefonema do secretário de governo, Antônio Carlos de Lima (PRTB), não poupou críticas ao atual governo. “O grupo dos Damo não cumpriu nada do que foi acordado. Estamos sendo surpreendidos desde o primeiro dia da Alaíde como prefeita interina. Com a minha exoneração, eu, como presidente do PSB em Mauá, vou convocar uma reunião na semana que vem com o diretório. O PSB é oposição ao governo provisório de Alaíde Damo”, criticou. Antônio Carlos contemporizou as declarações de Bell. “Acho que é uma posição dele, não do partido. O PSB é um partido aliado, contamos com ele, que tem nos ajudado de diversas formas, inclusive em algumas emendas. Pelo meu entendimento a prefeita está tomando somente medidas administrativas.”

Atualmente, apenas a mulher de Átila, Andreia Rolim Rios, segue na administração – é secretária de Política para Mulheres –, porém sua exoneração deve sair até amanhã. Na última semana, o braço direito de Átila, chefe de gabinete e secretário de Comunicação, Márcio de Souza (PSB), também tinha sido exonerado do cargo.
Por: Daniel Costa - Mauá Agora