MAUÁ NEWS
NOTICIÁRIO DA CIDADE DE MAUÁ E REGIÃO
NOTÍCIA ANTERIOR
AME´s de Santo André e Mauá passam por fiscalização do Tribunal de Contas
PRÓXIMA NOTÍCIA
Semasa realiza manutenção de drenagem na Perimetral rebaixada
quarta-feira, 28 de março de 2018
Filho de presidente do sindicato é comissionado em Mauá
Ageu Lobo atua como assistente no Paço; Sindserv não emplacou ganhos em 2017

Ageu de Oliveira Lobo, filho do presidente do Sindserv (Sindicato dos Servidores Públicos) de Mauá, Jesomar Alves Lobo, é funcionário comissionado no governo do prefeito Atila Jacomussi (PSB).

Nomeado como assistente de políticas públicas no governo que negocia os ganhos do funcionalismo representado pelo pai, Ageu ganha R$ 3.818 por mês, em cargo de livre nomeação, lotado na Secretaria de Serviços Urbanos, gerida por Chico do Judô (PEN).

Paralelamente a isso, a atuação da direção do Sindserv junto ao Paço mauaense é questionada internamente por servidores, que se queixam de postura branda do comando da entidade em relação às pautas da categoria.

Em 2017, primeiro ano de Atila à frente do Paço de Mauá, o Sindserv não emplacou as demandas reivindicadas na campanha salarial. Naquele ano, o sindicato exigiu abono de R$ 400 aos salários dos servidores, a ser incorporado nos rendimentos dos funcionários até o fim deste ano, além de auxílio-alimentação de R$ 400 por mês. A negociação entre a gestão Atila e o Sindserv, encabeçada por Jesomar, resultou em abono de R$ 150 por mês e um vale-alimentação de R$ 340 por mês (R$ 17 por dia), sem o compromisso formal de incorporar o abono aos contracheques dos trabalhadores da Prefeitura e da Sama (Saneamento Básico do Município de Mauá).

Em 2016, durante o governo do ex-prefeito Donisete Braga (PT), o Sindserv pediu cerca de 20% de aumento salarial, integrando esse índice à reposição da inflação daquele período mais 10% de aumento real. O resultado foi mais próximo do reivindicado: a gestão petista concedeu a correção inflacionária de 10,36% – o reajuste foi parcelado em duas vezes.

No site do Sindserv de Mauá, há várias fotos do presidente da entidade sindical ao lado de Atila e do presidente da Câmara, Admir Jacomussi (PRP), pai do prefeito e possível candidato a deputado em outubro. O portal também é alimentado com notícias que citam falas do chefe do Executivo enaltecendo o governo.

Para este ano, o sindicato pede reposição da inflação aos salários, somada ao aumento real de 10% e a abono mensal de R$ 450. A data base da categoria é abril.

Jesomar não foi encontrado para comentar o assunto. A Prefeitura não respondeu aos questionamentos do Diário.
Por: Júnior Carvalho - Diário do Grande ABC